top of page

Dia Internacional do Empreendedorismo Feminino

Atualizado: 27 de mar. de 2023

O Dia Internacional do Empreendedorismo Feminino, celebrado em 19 de novembro, surgiu em 2014, com Wendy Diamond, uma autora, apresentadora e empreendedora norte-americana inaugurando um evento filantrópico na ONU a fim de tratar sobre esse assunto e dar espaço a mulheres empreendedoras, celebrando, auxiliando e criando uma corrente de apoio ao redor do mundo. Foi oficializado então em Nova York, onde 144 nações reconheceram oficialmente o evento que hoje é celebrado e discutido mundialmente com a parceria de dezenas de instituições globalmente a fim de dar suporte a empreendedoras.


Mulheres X Mercado de Moda


De acordo com uma pesquisa feita no website legaljobs.io, as mulheres dominam atualmente cerca de 36% dos pequenos negócios ao redor do mundo, e 47% delas começaram seus negócios no ano passado - quando comparado a 44% dos homens. A indústria da moda, embora tenha sua força de trabalho predominantemente feminina, possui uma majoritariedade de liderança masculina em seu mercado - nessa área, até o momento, somente 14% dos negócios são liderados por mulheres, um cenário que tem se transformado com velocidade nos últimos anos, graças aos novos negócios criados e liderados por mulheres.


empreendedorismo-feminino-no-mercado-da-moda

Empreendedorismo Feminino na Pandemia


Apesar da grande diferença no mercado, os negócios liderados por mulheres estão crescendo muito mais rápido. De acordo com a Forbes, 42% das empresas nos Estados Unidos são lideradas por mulheres e em 2020 mais mulheres começaram um negócio quando comparadas aos homens. Mesmo com esse grande passo, diversos obstáculos ainda dificultam o processo de liderança de um empreendimento quando se trata da mulher - de limitações governamentais à maior dificuldade para conseguir empréstimos e/ou financiamentos para iniciar seus negócios.


As estatísticas também apresentam um dado curioso e relevante: os negócios criados por mulheres, considerando áreas variadas, tendem a entregar um lucro maior do que aqueles fundados por homens. Mulheres de cor e latinas também tendem a ocupar um espaço maior entre empreendedoras - com crescimento de 164% somente na presença de liderança de mulheres afro-americanas de 2007 a 2019. Isso nos leva a entender que há muito tempo o empreendedorismo deixou de ser algo estritamente masculino - é necessário que haja um investimento maior nos negócios liderados pelas mulheres uma vez que o retorno tende a ser excelente.


melheres-no-mercado-da-moda

A Importância do Tema


É importante nos atentarmos para que a discussão sobre o tema não fique condicionada a essa data especificamente - já que a relevância o torna importante o ano todo. É com diferentes iniciativas, discussões e ferramentas que podemos, mais do que celebrar, efetivamente apoiar e fortalecer o empreendedorismo feminino em todo o mundo.


 

Na plataforma START by WGSN, você tem acesso a informações exclusivas para desenvolver produtos assertivos e impulsionar a sua marca, além dos melhores recursos e ferramentas para facilitar o dia a dia da jornada de negócios.


Descubra tudo o que a START oferece para ajudar o seu negócio de moda a crescer.



תגובות


bottom of page